Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

PAIVAJORNALISTA

Esse blog tem uma finalidade muito importante, isto é, levar aos conhecimentos dos leitores e amigos os mais diversos assuntos relacionados com o nosso dia a dia. Crônicas, Artigos, Poemas, Poesias, Atualidades, Política entre outros.



Quarta-feira, 22.10.08

SITUAÇÕES ADVERSAS

SITUAÇÕES ADVERSAS

Estamos passando por situações adversas e alheias a nossa vontade. O caminho da paz se distancia à medida que o homem perde a noção do bem e do amor. Nos domínios da alma humana, a Terra jaz abarrotada de divisões, barreiras, preconceitos, privilégios, prioridades, convenções e classes, prejudicando e atrasando o estabelecimento da harmonia e da segurança entre os homens. Inúmeras pessoas trabalham com dedicação, usando a boa conduta para atenuar os malefícios que hora permeiam a nação. A egolatria, a canga, o escolho são sinonímias que podem ser bem empregadas para difundir a situação atual de determinadas classes sociais. Normalmente estas sinonímias têm viés de caráter político dominador, do mais forte sobre o mais fraco e indefeso. O eminente sobrepujando o iminente. O mal suplantando o bem. Estas características deletérias se imantaram no ego hominal fizeram moradias e não querem mais sair. Impregnou a mente e fez à coligação do desejo a ganância, da ambição ao proveito próprio.

“Recorda que toda conversação está carregada de poder criativo. Usa o verbo para o bem e faze com ele a felicidade de quantos te compartilham a vida”. Uma lição muito especial, mas devemos reconhecer que existem na vida social - determinados tipos de inquietação que permanecem estanques, conosco, de vez que o espírito de compreensão e tolerância não nos permite exteriorizá-lo. Nosso objetivo primordial é lutar sempre por uma vida melhor, mais tranqüila e saudável. As injunções do poder compelem a população a determinadas decisões que não seriam apropriadas para o momento. A migração desordenada dos pequenos para os grandes municípios, o crescimento desordenado da população, a falta de empregos, o descompasso dos gestores municipais, a falta de ética, educação, o grande espaço nas avenidas para os meninos de rua atuar ao bel prazer, o descontrole dos pais na educação dos filhos, a falta de responsabilidade da maioria em detrimento da minoria, a banalização da violência surge de sementes semeadas nessas nuanças do cotidiano das capitais e municípios brasileiros.

Cada município deveria gerir e cumprir suas responsabilidades dentro do que foi orçamentado, mas vemos que a maioria deles não possui estrutura para tal, servindo apenas de cabides políticos. “O crescimento populacional está muito ligado à pobreza, e a pobreza saqueia a Terra. Quando grupos de - seres humanos estão morrendo de fome comem qualquer coisa, insetos, vegetação, o que quer que seja. Derrubam árvores, deixam a terra seca e nua. Todos os outros cuidados desaparecem, deixam de ter importância. É por isso que, nos próximos 30 anos, os problemas que chamamos de “ambientais” serão os piores que o homem terá que enfrentar. ”(Um sábio). Já prevendo esta crise o presidente da República admite fazer cortes drásticos no orçamento por conta da crise. E aí teremos uma enxurrada de obras faraônicas paralisadas e o aspecto das capitais se tornará um verdadeiro desmonte, buracos para todos os lados, montes de lixo e fedentina, a mendicância se tornará incontrolável e os assaltos, roubos e furtos aumentarão com certeza.

Será um esfacelamento que urge medidas de contenção para que a situação não chegue ao caos. O nosso mundo está ausente de líderes, enquanto isso, crianças indefesas morrem de fome em todo mundo, pessoas são vitimadas por picadas de pequenos insetos, determinadas doenças continuam incuráveis, mesmo assim o homem quer descobrir o que há de excepcional em outras plagas espaciais e em estudar como aconteceu a “suposta explosão”, (Big-Bang) que gerou a Terra, gasta bilhões e bilhões de dólares com a construção do maior acelerador de partículas já visto no mundo. O instinto do homem fala mais alto nessas ocasiões, o que tem causado muito desconforto, visto que os grandes líderes que pisaram este orbe e que trariam grandes benefícios para a humanidade foram barbaramente assassinados. Dizem que a esperança é a última que morre, partindo-se dessa premissa num futuro bem próximo o mundo será habitado somente por esperanças. Pensem nisso!

ANTONIO PAIVA RODRIGUES-MEMBRO DA ACI-ALOMERCE E AOUVIRCE

Autoria e outros dados (tags, etc)

por paivajornalista@blogs.sapo.pt às 09:14



Mais sobre mim

foto do autor


Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Pesquisar

Pesquisar no Blog  

calendário

Outubro 2008

D S T Q Q S S
1234
567891011
12131415161718
19202122232425
262728293031