Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

PAIVAJORNALISTA

Esse blog tem uma finalidade muito importante, isto é, levar aos conhecimentos dos leitores e amigos os mais diversos assuntos relacionados com o nosso dia a dia. Crônicas, Artigos, Poemas, Poesias, Atualidades, Política entre outros.



Segunda-feira, 09.11.09

O MAL DO SÉCULO

O MAL DO SÉCULO

“Nunca o obsceno chegou tão perto do sagrado como no Calvário. Nunca o bem no mundo se entrelaçou com o mal na cruz. Nunca o que é certo se envolveu tão intimamente com o que é errado, como quando Jesus ficou suspenso entre o céu e a terra. Deus na cruz. A humanidade em seu pior momento. A divindade em seu melhor”. Uma bela menção para ser meditada, pensada e revivida. O Cristo está sendo todos os dias crucificado nas ações deletérias do homem. A maldade, a intolerância, a desumanidade, a frieza, a falta de respeito, a raiva, a violência foram imantadas pelos corações humanos. São nuanças negativas que vivem como bactérias, vírus, no cérebro humano transformando as suas substâncias sutis em verdadeiras máquinas de terror.

O amor tão bem pregado pelo Mestre dá lugar a um verdadeiro dilúvio de ações perniciosas, onde o homem procura destruir seu semelhante para depois cair nas raias da maldição. Indaga-se mais uma vez: será a vivência na vida um conformismo inoperante? Certa vez, respondemos que a ação ou resultado de embotar-se causa o enfraquecimento ou diminuição na energia de certas funções mentais. O psicológico, o atender a necessidades vãs, o estagnar expectante (Que espera, ansiosa e atentamente; que está na expectativa ou que a demonstra olhar expectante) de oportunidades melhores ou será esse motivo pelo qual os hominais foram plantados? O homem é extremamente opinativo, de irreflexão superior e, por isso irrelevante frente à relevância do próprio viver que devemos agir?
Tornar sensabor, insípido, sentir sensaboria, aborrecer-se e vai-se mais comodamente, mas sensaboriza-se a gente muito mais depressa. Na verdade o homem é um ser egoísta por natureza, maldoso desde o nascimento, orgulhoso no cotidiano, só pensa em si esquecendo-se do outrem. A superioridade, a vontade de levar vantagem em tudo, está mais implícita no coração humano. As crianças esquecidas das autoridades, da sociedade injusta e cruel vivem perambulando pelas ruas e avenidas da cidade assimilando o que há de pior.

As faculdades e as universidades do mal estão implantadas nas ruas e avenidas das grandes metrópoles e somente os mais fracos e desassistidos conseguem aprovação com méritos nas academias do mal. Os pais renegam os filhos, se entregam ao vicio, as mães para se livrarem das perturbações mandam as crianças para as ruas e a educação morre a míngua e a esperteza aliada à maldade se insere nas mentes vazias dos meninos (as) de rua. Claro que nesta conotação os pais responsáveis estão fora deste conceito maléfico. Nessas horas procuramos saber qual o real papel, qual a finalidade da criação dos Direitos Humanos e do Código da Infância e Adolescência. Meninos na rua têm de muitão, mas os governos estão cegos ou se esquivam para não assumir a responsabilidade de retirar esses pequenos das ruas e colocá-los para estudar em tempo integral.

A prostituição cresce a pedofilia também e uma ação caridosa não tem a imantação de ninguém. O amor pela vida está banalizado e a situação humana espezinhada. A corrupção aumenta a cada dia que passa e os grandes, os homens de paletós, os famosos colarinhos brancos ficam ricos da noite para o dia e a impunidade continua, enquanto os presídios estão superlotados de pobres miseráveis vitimas da desorganização social. Epidemia em Fortaleza – 90% dos pacientes em tratamento são usuários de drogas. Saúde Pública - Levantamento feito pelo O Povo em nove instituições de tratamento para dependentes químicos mostra que 90% dos pacientes atendidos são usuários de crack. Os números de apreensão da droga também impressionam. Este ano, a Polícia já reteve 71% mais crack na cidade do que em todo o ano de 2008.

Apesar do trabalho árduo da polícia temos que dizer que quando da apreensão de determinada quantia de drogas outra quantia passa despercebida pelas autoridades, pois o “Modus Operandis” dos traficantes é de perder e ganhar. Enquanto eles perdem 100 quilos de drogas outros 200 estão sendo repassados por outros meios. E assim a distribuição de drogas continua no seu ciclo - vicioso trazendo suplícios para a população brasileira. Parece que o dinheiro tornou-se também uma droga para o ser humano. O dinheiro bem empregado tem suas vantagens, mas o mau uso leva a destruição.

Um comércio que cresce de ‘vento em popa’ e que funciona as escondidas inseridas no seio das famílias são as “casas de mensagens’, que de massagens não tem nada, são antros de prostituição e quiçá pontos de drogas”. A internet tem seus pontos positivos, mas os negativos são superiores. Meus senhores é assim o cotidiano do brasileiro, uns gozando, outros sofrendo, uns dormindo em berço esplendido outras nos papelões nas calçadas das ruas fétidas das cidades. O social vai mal e se nossas autoridades não atacarem o problema pela raiz e maldição será maligna. O caos está aí e a erupção pode acontecer a qualquer momento. Pense Nisso!

ANTONIO PAIVA RODRIGUES-MEMBRO DA ACI-DA ALOMERCE E DA AOUVIRCE

Autoria e outros dados (tags, etc)

por paivajornalista@blogs.sapo.pt às 13:03



Mais sobre mim

foto do autor


Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Pesquisar

Pesquisar no Blog  

calendário

Novembro 2009

D S T Q Q S S
1234567
891011121314
15161718192021
22232425262728
2930