Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

PAIVAJORNALISTA

Esse blog tem uma finalidade muito importante, isto é, levar aos conhecimentos dos leitores e amigos os mais diversos assuntos relacionados com o nosso dia a dia. Crônicas, Artigos, Poemas, Poesias, Atualidades, Política entre outros.



Terça-feira, 06.03.12

INFÂNCIA DESPREZADA E DEVASTADA


INFÂNCIA DESPREZADA E DEVASTADA

Trabalhe, servindo. Trabalhar significa agir de acordo com a dinâmica universal. Tudo se movimenta e serve. Desde as estrelas até os átomos. Não lamente o trabalho a fazer. Realize-o da melhor maneira possível, dando tudo de si. Por ele você atrai benefícios da vida. Traz-lhe a saúde o bem-estar. Os outros recebem seu auxílio”. (Lourival Lopes).

Manchete de primeira página do Jornal O Povo: “Infância devastada”. “Crack derrota família, escola, e rede de apoio”. Conta à história do menino Pedro, dependente do crack aos oito anos e assassinado por traficantes aos 11. O desfecho precoce dessa infância mostra que ainda não estamos preparados para a realidade das drogas.  Nós diríamos que o jornal em alusão exorbitou de sua autoridade de informar, pois generalizou colocando em contraponto todas as famílias brasileiras. Não são todas as famílias, nem todas as escolas e redes de apoios que estão sendo derrotadas pelo crack. O crack arma cruel dos traficantes devora sem dó e piedade as classes mais necessitadas da sociedade brasileira. Alguns integrantes de famílias de classe média e de classe mais favorecida sofrem, entretanto, o percentual é baixíssimo.

A corrupção que assola o Brasil de Oiapoque ao Chuí tem uma força brutal e as consequências dessa força refletem de maneira trivial e escandalosa na classe pobre, onde os assalariados comem o pão que o diabo amassou. A corrupção ora percorrendo as veias sanguíneas de nosso país é mais devastadora do que o crack, que é consumido por aqueles que passam privações e fome. A violência é outra arma devastadora que mata e extermina a população mais carente de nosso estado e do Brasil. Por que existe violência? Onde ela é mais atuante? Todo cidadão brasileiro sabe dizer sem pestanejar. O fracasso político brasileiro é o pivô de todo o mal e de todas as mazelas que acontecem no Brasil. Depois que mudaram o sistema, os atributos da educação, eliminaram algumas disciplinas importantes, desvalorizaram o professor, e em consequência a educação está quase morta.

Não existe mais civismo, patriotismo, quase não vemos nosso pavilhão hasteado, alguns jovens só querem moleza, pois nem à pátria querem servir. Qual o percentual de brasileiros que sabe entoar e cantar o hino nacional?  Por que as coisas públicas não são levadas a sério, e só as privadas prosperam? Perguntas que nossos políticos poderiam responder sem pestanejar. Rombo na Previdência. Porque a nossa presidente não manda apurar e punir os responsáveis? Será quem vai pagar o pato é tão somente a população? Tenham senhores respeito para com os contribuintes, visto que pagamos impostos demais e não temos direito a moradia, a educação, a saúde e a segurança como está implícito na Constituição Federal.

Será que os corruptos vão continuar afanando os cofres públicos e nós velhos otários vamos ter que pagar pelos pecadores? É hora de mudar, é hora de punir os ladrões da República brasileira. Porque as crianças são prostituídas, se inserem nas drogas, são vítimas de pedófilos, de traficantes? Simples de responder. Os nossos governantes nunca souberam o que é política, pois eles são praticantes e partidários da politicagem. Os militares nunca deveriam ter saído do poder, pois uma cambada de aproveitadores se passa por torturados para auferir grandes indenizações, e além do mais, querem ficar recebendo pensão sem trabalhar pelo resto da vida. A famigerada bolsa que tem o poder do protecionismo criou novas classes de pessoas no Brasil, a dos papudinhos e a dos preguiçosos. Eles acham o máximo o que o governo faz por eles e o pagamento será o voto certo nas eleições.

Quem pratica tais ações deveria ter vergonha na cara e quem promete acabar a miséria brasileira em quatro anos, também. São verdadeiros demagogos comandando o País. Faz pena ver alguns militares do alto escalão do governo federal recebendo suas gordas gratificações, e engolindo sapo todos os dias. O Brasil murchou. Está entregue a assaltantes desalmados, a corruptos, a traficantes e as autoridades nada fazem, pois estão mais preocupadas com as eleições municipais. O que já roubaram dessa nação não está escrito em nenhum gibi, ou em nenhum alfarrábio.  Os presídios brasileiros estão superlotados de pobres e negros e os sugadores da nação soltinhos da silva.  Ah! Brasil. Como sofre a população brasileira. Outra desgraça que criam com o intuito de “defender” os pobres, “Os Direitos Humanos”, que na realidade só defendem bandidos. Outra desgraça: “O Código da Infância e do Adolescente” que só defende menor infrator. Até onde iremos estacionar? No inferno, no purgatório ou nas profundezas da terra?

Vejam como nossos políticos são pobres de coração. No próprio jornal O Povo o manchete do “Caderno Política” diz o seguinte: “Na Assembleia Legislativa, Ficha Limpa anda a passo lento”. Embora a cúpula da Assembleia diga ser a favor da proposta de estender os efeitos da Lei, não há movimentações no sentido de acelerar a votação. Deputados pregam cautela no debate, que ainda nem iniciou na Comissão de Constituição e Justiça. Ainda não há prazo para o relatório. A Aceleração da votação da Proposta da Emenda à Constituição (PEC) que estende os efeitos da Lei a cargos de confiança do Estado estão empurrando com a barriga, pois prejudica os interesses deles. Só fosse para beneficiar os deputados, já teriam votado e aprovado com certeza. São verdadeiros enganadores do povo cearense. Querem esperar o presidente do - CCJ voltar de viagem para iniciar o debate.

O deputado Antonio Carlos, líder do governo diz que, o presidente é um deputado importante. Se a gente discutisse com ele, era melhor. Eu sou a favor da lei, mas há um problema de vício de iniciativa. Isso deve partir do Executivo. A lei é interpretada de várias maneiras. Vamos fazer um diálogo com paciência. A paciência dos políticos mata qualquer pessoa, principalmente se ela estiver doente e precisando dos préstimos dos edis cearenses. Secretário-geral da FIFA, Valcke dissera que o Brasil merecia ‘chute no traseiro’. Senhor Valcke no nosso traseiro não, e sim no das autoridades que estão envolvidas com a Copa do Mundo de futebol. Atendimento – Rede só ficará pronta em 2013. O Ceará vai receber investimentos do Governo Federal para ampliar e melhorar a rede de atendimento a crianças usuárias de crack e outras drogas. No entanto, o projeto só deve sair do papel no fim de 2013. Coisas do governo. As atitudes governamentais que beneficiam os pobres demoram igualzinho ao andar de tartarugas, o pior é se o projeto (plano anticrack) sair do papel e não voltar mais.

Se for executado no prazo e do jeito que está o projeto, o plano anticrack poderá melhorar o atendimento a crianças usuárias da droga. A estrutura de atendimento hoje existente está falida. Só o atendimento nos Caps. infantis não dá conta do problema. O governo só quer mesmo a instalação do aquário e o resto que se exploda. Crack precisa era debatido nas escolas, dizem especialistas. O crack é um assunto que precisa ser debatido em sala de aula, apontam especialistas. “Não há por que evitar o tema”. E é importante o próprio professor falar, estimular o diálogo, jamais chamar o doutor para dar uma palestra. Que especialistas são esses? Palestra onera o Estado?

As escolas “senhores especialistas”, estão necessitando com urgência de psicólogos, Assistentes Sociais e Psicopedagogos. Querem aumentar a carga horária do professor, no entanto, não falam em melhorar ordenado. Os alunos de hoje devem se engajar na cidadania, no patriotismo, aprender a cantar o hino nacional e assistir todos os dias o hasteamento do Pavilhão Nacional ao som de uma banda de música. O professor já tem atribuições demais e ainda querem empurrar a responsabilidade do uso das drogas pelos alunos em cima dos professores, e os pais onde ficam? As autoridades o que vão fazer? Até a execução de um plano já empurraram para o final de 2013. É muito xarope para diabéticos! Lançar planos é uma coisa, executar é outra. Querem saber de uma coisa? No governo que aí está não confiamos, pois a protelação é grandiosa demais.

Tudo em você tem utilidade. Seus olhos indicam-lhe a direção a tomar. Suas propiciam-lhe o trabalho adequado. Seus pés tentam-no caminho. Seu estômago garante-lhe a manutenção do corpo. Seu coração é a vida em você. Seus ouvidos abrem-lhe a porta para o mundo da relação. Sua boca dá-lhe a sagrada oportunidade de manifestar-se. Sua mente é fiel instrumento de sua evolução. Nada há sem utilidade. Você está destinado a ser útil. Lourival Lopes sempre nos traz grandes ensinamentos e diz: “Não fique parado. Sirva. Trabalhe. Aja. Deus lhe abençoe os dias. Conserve-se de que deve ser útil é seu bom sinal de progresso”. Como usar belos atributos se a fome, a miséria, a corrupção e as mazelas da vida deixam uma grande parcela dos homens inúteis. Pensem nisso!

ANTONIO PAIVA RODRIGUES – MEMBRO DA ACI- DA ACE- DA UBT- DA ALOMERCE- DA AVSPE E DA AOUVIRCE

Autoria e outros dados (tags, etc)

por paivajornalista@blogs.sapo.pt às 13:58


Comentar:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.



Mais sobre mim

foto do autor


Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Pesquisar

Pesquisar no Blog  

calendário

Março 2012

D S T Q Q S S
123
45678910
11121314151617
18192021222324
25262728293031