Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

PAIVAJORNALISTA

Esse blog tem uma finalidade muito importante, isto é, levar aos conhecimentos dos leitores e amigos os mais diversos assuntos relacionados com o nosso dia a dia. Crônicas, Artigos, Poemas, Poesias, Atualidades, Política entre outros.



Quinta-feira, 02.06.11

AS NOTÍCIAS SE MULTIPLICAM NO COTIDIANO

AS NOTÍCIAS SE MULTIPLICAM NO COTIDIANO

“A grande dor dos pobres é que ninguém nunca tem necessidade de sua amizade”. (Mauríce Zundel).

No entardecer e no amanhecer do dia, muitos acontecimentos delituosos varrem as ruas, os guetos, as favelas, as ruas e avenidas das grandes metrópoles de todo o Brasil. Parecem ciclones, tornados, tsunamis, vendavais e terremotos de fatos deletérios que tem levado muitas pessoas ao pânico. Muitos indagam o que fazer, mas a indagação ecoa no ar e o som da aclamação vai perdendo força e desaparece timidamente. Estamos frustrados, envergonhados, preocupados com as greves que se alastram, com a corrupção desenfreada, com o enriquecimento ilícito, com a nova onda do momento, a “Bolsa Ditadura”. Os aninhos se apresentam como vítimas de supostas torturas, mas o crivo final é o vil metal. Querem indenizações milionárias, enquanto essa cena nojenta toma conta do Brasil, prefeitos, governadores, vereadores são cassados pela justiça, mas infelizmente as leis não são rigorosamente cumpridas. A conclusão a que chegamos é que cadeia e penitenciária foram construídas para abrigar pobres e negros. Os larápios do dinheiro público estão soltinhos e gozando com a cara da gente. Se um dia nós aprendermos a votar a situação poderá melhorar, mas lamentamos não possuirmos estrela na testa e a única solução será comer carne de pavão.

A nossa mais nova demagoga afirma que: “'Não podemos nos esquecer da crise mais permanente, mais desafiadora e mais angustiante, que é termos a pobreza crônica neste país', disse a presidente durante lançamento do programa Brasil sem Miséria”. Só que a nossa presidente esqueceu que ela e seus cupinchas fizeram miséria no passado e hoje estão no poder pela Lei da Anistia, e mesmo assim querem se passar por vítimas. Promessa de campanha seria acabar com a miséria no Brasil em quatro anos. Duvidamos e temos quase certeza que a miséria vai aumentar, pois as pesquisas são fajutas e quiçá compradas. “Promessa de campanha de Dilma, o plano tem o objetivo ousado de retirar cerca de 16,2 milhões de pessoas da extrema pobreza e pretende reunir transferência de renda e acesso a serviços públicos nas áreas de educação, saúde, assistência social, saneamento e energia elétrica”. No último Censo a população brasileira beirou os 200 milhões de habitantes. Para ser mais preciso 190.755.799, vinte vezes maior do que a população registrada no primeiro Censo.

Em 1872, éramos 9.930.478 habitantes. A genitura, o estado gravídico deve ser associado a um Plano de Assistência Familiar, pois se a população aumentou com certeza a pobreza cresceu nas mesmas proporções. A política brasileira se dá ao luxo de ter um Palocci, enchendo saco dos brasileiros honestos, assumindo um ministério, o da Casa Civil. O ministro-chefe da Casa Civil, Antonio Palocci, explicará publicamente o seu aumento patrimonial antes do parecer da Procuradoria-Geral da República (PGR), disse nesta quinta-feira o ministro Gilberto Carvalho (Secretaria-Geral). Estava certa a minha avô quando esbravejava: ”Quem não rouba e herda enrica é merd...” O senhor Palocci vai explicar o inexplicável. A preocupação da presidente Dilma deveria ser com a população idosa que cresce assustadoramente no Brasil, e nas mesmas proporções as crianças menos aquinhoadas, e desamparadas, vivendo nas ruas e debaixo de viadutos, cresceu em proporções geométricas.

As bolsas distribuídas no governo do ex-presidente Lula aumentou a ociosidade no País, pois a conformação vem fácil e como o recebimento tem data certa quem as recebem não quer mais trabalhar. Os serviços terceirizados estão mais difíceis de encontrar, o comércio ambulante e informal toma as ruas e avenidas das cidades e haja álcool e droga no mundo. Produtos pirateados do Paraguai e da China estão na moda, como também a pirataria de CDs e DVDs. Ainda sobre Palocci temos a informar o seguinte: “Nos últimos dias, cresceu a pressão entre aliados para que Palocci explique publicamente a evolução de 20 vezes em seu patrimônio, ocorrida entre 2006 e 2010”. De acordo com o ministro, o aumento é resultado dos ganhos de uma empresa de consultoria criada por ele. Segundo Carvalho, a presidente Dilma Rousseff falou com Palocci mostrando a importância de explicar-se.

'Ela falou com ele que era importante que ele falasse. Fonte: (http://noticias.br.msn.com/artigo/) Ele está aguardando o momento adequado. ' O governador de Pernambuco, Eduardo Campos (PSB), que também participou do evento, defendeu o ministro, mas disse que Palocci 'deve sim dar explicações que a sociedade deseja. 'Sinceramente não sabemos quando essa onda de corrupção vai amainar, ela recrudesceu no governo do ex-presidente Lula e continua no governo Dilma Rousseff com o Mensalão, o Valerioduto, as obras superfaturadas e o descaso do governo com as obras prioritárias da Copa do Mundo de 2014, e com as Olimpíadas de 2016. Falta aumentar o número de hospitais de bases, hotéis, construírem novas avenidas e alargar as já existentes, saneamento básico, e outras obras de transportes de muita valia. O que nos deixa com a pulga atrás da orelha é que nem os estádios de futebol estão merecendo a atenção dos responsáveis. Parece que tudo está sendo feito - a - toque de caixa. Estamos enojados e envergonhados. Pense nisso!

ANTONIO PAIVA RODRIGUES- MEMBRO DA ACI- DA ALOMERCE- DA AUBT- DA AOUVIR/CE- DA AVSPE/ DA ACE

Autoria e outros dados (tags, etc)

por paivajornalista@blogs.sapo.pt às 14:01


Comentar:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.



Mais sobre mim

foto do autor


Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Pesquisar

Pesquisar no Blog  

calendário

Junho 2011

D S T Q Q S S
1234
567891011
12131415161718
19202122232425
2627282930